Azeite de Oliva Espanhol Azeite de oliva espanhol

Azeite sua vida!

Voltar para a home

O uso do azeite de oliva e as lipoproteínas

As lipoproteínas ricas em triacilglicerol fazem parte das VLDL, conhecida como "mau colesterol". Para a síntese desta substância é necessária a presença de uma proteína denominada de Apo-B100, que por sua vez tem recebido muita atenção dos pesquisadores em doenças cardiovasculares, aliás eles recomendam o controle da taxas desta proteína. Tem sido observado que pessoas com níveis normais de colesterol total e HDL podem ter elevadas taxas de Apo-B100 e apresentam maior risco para as doenças cardiovasculares.
Os pesquisadores deste estudos avaliaram o efeito de uma refeição rica em azeite de oliva virgem na composição das lipoproteínas ricas em triacilgliceróis. Para isso, eles estudaram 8 indivíduos saudáveis e mediram as apo-B100 logo após a refeição e durante as 7 horas seguintes. Os resultados mostraram que o azeite de oliva influencia as lipoproteínas. Foi observado que uma refeição com menor quantidade de ácido graxo oléico (tipo de gordura monoinsaturada do azeite) leva a uma maior concentração das lipoproteínas.

Referência
ABIA,R.C.; PERONA;J.S.; PACHECO, Y.M. et al. Postprandial triacylglycerols from dietary virgin olive oil are selectively cleared in humans. J. Nutr. 129: 2184-91, 1999.

 

Azeite de Oliva Espanhol

Unión Europea - Fondo Europeo de Desarrollo Regional - Una Manera de Hacer Europa

ICEX

Space Produções