Azeite de Oliva Espanhol Azeite de oliva espanhol

Azeite sua vida!

Voltar para a home

Dieta mediterrânea

O consumo de peixe pela população do Mediterrânea é elevado, em média, 48 g/dia., sendo que a Espanha tem a maior ingestão per capita, 60g a 80 g/dia. E é sabido as baixas taxas de mortalidade por doenças isquêmicas do coração nessa região. Além do peixe, a dieta é caracterizada pela elevada ingestão de azeite de oliva, carboidratos complexos, frutas, legumes frescos e vinho. É uma alimentação diferente dos países do norte da Europa, onde grande porcentagem das calorias da dieta é oriunda de carnes e do leite. Além de um baixo consumo de peixe, em torno de 26 g/dia. E nessa população são observadas elevadas taxas de doenças cardiovasculares.

Os estudos têm recomendado que uma ingestão diária de 200 g a 300 g de peixe/semana (2 g a 4 g de ácido eicosapentanóico) diminui o risco de doenças cardíacas coronarianas. Os peixes mais indicados são o salmão, a truta, a anchova, o atum, a sardinha e a cavalinha.

Foi demonstrado que o consumo de peixe, mesmo que em pequena quantidade (uma vez por semana), mas por um longo período, diminui os triglicérides plasmáticos e aumenta as HDL. Por essas razões o padrão alimentar do Mediterrâneo tem sido copiado por outros países da Europa.

 

Azeite de Oliva Espanhol

Unión Europea - Fondo Europeo de Desarrollo Regional - Una Manera de Hacer Europa

ICEX

Space Produções