Azeite de Oliva Espanhol Azeite de oliva espanhol

Azeite sua vida!

Voltar para a home

Soja e azeite de oliva: dupla contra o câncer e o infarto

Não é de hoje que a soja tem recebido atenção dos estudiosos em saúde, pois a ela tem sido atribuída a capacidade de prevenir uma série de doenças . Em função disto, a soja tem sido apontada como sinônimo de saúde.

Entre os alimentos de origem vegetal a soja é a melhor fonte de proteínas, tanto em qualidade como em quantidade. Para completar ela contém um conjunto de substâncias que participam ativamente no estado nutricional dos indivíduos, como no controle dos níveis do colesterol sangüíneo, na prevenção de vários tipos de câncer e ameniza os sintomas da menopausa.

Todos os benefícios da soja têm sido atribuídos às isoflavonas, que são fitoestrógenos com importante papel na prevenção de doenças crônico-degenerativas e, particularmente nas relacionadas com hormônios.

Já a isoflavona genisteína exerce atividade anticancerígena. Para completar, as isoflavonas têm propriedades antioxidantes, diminuindo a quantidade de radicais livres no organismo e conseqüentemente retardando o envelhecimento precoce.

Qual a dose diária de soja?

Os estudiosos no assunto recomendam uma dose diária de 30 a 50 gramas de soja, para tirar delas todos os benefícios da saúde. Ela pode ser consumida in natura, ou seja, os grãos ou na forma de subprodutos da soja, como leite de soja, tofu e molho de soja.

Nos Estados Unidos já existe já uma regulamentação do FDA (Food and Drug Administration) para a rotulagem de alimentos industrializados com soja. Pode-se usar: 25 gramas diárias de proteína de soja em uma dieta com baixos teores de gordura saturada e colesterol, para reduzir o risco de doenças coronárias.

Os benefícios da soja

A soja na prevenção do câncer de mama

A soja contém uma conjunto de substância de isoflavonóides , que são benéficas na prevenção e no tratamento do câncer de mama. Benefícios estes comprovados por estudo na universidade de Harvard que mostrou que o consumo diário de 40 mg de dois tipos de isoflavonóides reduzem em 50% as células cancerosas em mulheres com tumor.

E mais: se a pessoa passa a ingerir soja a chance de reincidência da doença reduz em 50%. Tudo isso se deve a genisteína, um fitoestrógeno ou hormônio vegetal, que possui uma ação estrogênica moderada e a atua na prevenção de câncer relacionado com o estrogênio (hormônio feminino responsável pela multiplicação de células cancerosas na mama).

A soja amenizando os efeitos da menopausa

O consumo diário de soja tem mostrado ser eficaz em amenizar os sintomas da menopausa. Com a redução da produção do hormônio feminino, dois problemas ameaçam a mulher: a osteoporose e as doenças cardiovaculares. Em ambos os casos, a soja tem mostrado benefícios:

  • Na osteoporose, doença que deixa os ossos fracos e porosos: a soja ajuda a evitar a perda de massa óssea.
  • Nas doenças cardiovaculares ela reduz a taxa de colesterol e evita a formação de placas de gordura nas artérias.

A razão de tantos benefícios, mais uma vez está relacionda a genisteína, um fitoestrógeno, espécie de hormônio vegetal semelhante ao hormônio feminino. Fato que explica a baixa incidência de câncer de mama no Japão e na China, países tradicionalmente consumidores de elevada quantidade de soja.

Exames de densiometria óssea comprovam que o consumo de soja diário de soja retarda a osteoporose decorrente da idade e reduz a perda óssea.

A soja no combate ao colesterol

Para prevenir as doenças cardiovaculares o primeiro passo é controlar os elevados níveis de colesterol sangüíneo e do LDL-colesterol (mau colesterol). O uso habitual de soja tem mostrado bons resultados, levando a American Heart Association -AHA (Associação Americana do Coração) recomendar a sua ingestão diária.

Estudos mostraram que basta introduzir diariamente na alimentação 20 g de proteínas de soja ou 50 g do grão e após quatro semanas o LDL diminui em 33%.

A soja no controle da diabetes

A soja tem um tipo de fibra - solúvel, exercendo um importante papel na regulação dos níveis de glicose no sangue, retardando a sua absorção, o que é um benefício para o diabético, pois não há picos de glicemia nem de insulina.

Soja e o azeite de oliva

A soja é mais que um alimento: trata-se de um ingrediente funcional ou nutracêutico . Ela está entre aqueles alimentos que além das funções nutricionais básicas, possui efeitos metabólicos benéficos à saúde. Imagine só a união azeite de oliva e soja. A sua saúde só terá a agradecer.

Para isso inclua 50 g de soja todos os dias na alimentação. Isto significa menos da metade de uma xícara das de chá de soja crua. Use para substituir o feijão, em saladas, em ensopados, em molho de macarrão, no preparo de bolo.

Conheça receitas com soja e azeite de oliva

Bolo de soja com arroz integral

Caldeirada de soja com erva-doce

Minestrone com soja

 

Azeite de Oliva Espanhol

Unión Europea - Fondo Europeo de Desarrollo Regional - Una Manera de Hacer Europa

ICEX

Space Produções